domingo, dezembro 18, 2011

Xícara - Leonor Videoclip

Leonor, da autoria de António Cabral é o mais recente poema musicado pelos Xícara. 




sábado, agosto 20, 2011

Hoje a não perder! Xícara no "Folk Plasencia"!


Os Xícara vão representar Portugal no Festival Internacional Folk Plasencia

Hoje, Sábado, 20 de Agosto a não perder:

. Xícara
. Ara Malikian

sábado, julho 30, 2011

Próximo concerto hoje no "Sons da Fraga Dura" em CASEGAS, Covilhã!

É nesta belíssima freguesia do concelho da Covilhã, onde já decorre o Festival "Sons da Fraga Dura"! Hoje é o nosso dia!
Apareçam!!

terça-feira, julho 19, 2011

E foi assim a nossa estreia em Espanha (Las Rozas,Madrid)

Grande concerto. Público fabuloso (cerca de 1000)  que não hesitou em cantar as músicas. Foi o que se passou no belo Anfiteatro del Parque Paris de Las Rozas. Obrigado a todos que tornaram possível a realização deste concerto!

Fiquem com uma crítica do concerto:

(sábado, 16 de julio de 2011)
El viernes 15 de julio, uno de los días de “operación salida” por excelencia en el verano madrileño, el anfiteatro del Parque de París, en Las Rozas, vio llenarse sus gradas con el público que llegó, no sólo desde la Comunidad de Madrid sino incluso desde Lisboa, para ver el estreno en España del grupo portugués Xícara.

Los lusos acudieron a su cita con una patente ilusión, que desplegaron a lo largo de cerca de hora y media de actuación. Abrió el concierto la voz del actor y director de teatro Mario Viegas, con el poema Os ais, sobre el final del cual empezaron a introducirse sucesivamente los instrumentos, de la mano de los cinco componentes masculinos de la banda: el piano del también acordeonista Rui Ferreira, la guitarra clásica de Nuno Cachada, el bajo de David Viegas, responsable también de las segundas voces, las cuerdas de la guitarra braguesa, el cavaquinho y la mandolina de Hélder Costa, y las percusiones, siempre elegantes y precisas, de Pedro Oliveira, con su curiosa batería hecha de tambores y panderos tradicionales.


Seguidamente subió al escenario Carla Carvalho, cantante de la banda, para interpretar el tema Quasi. Su voz, clara y dulce, fue lo que acabó de encandilar al público presente. Ella, además de cantar maravillosamente y desplegar su simpatía y saber estar en el escenario, presentó varios de los temas y a la banda en un castellano bastante competente.


El concierto fue avanzando con los temas del EP del grupo, lanzado en febrero de 2011 (Se me deixares eu digo, Cantiga bailada, O eterno feminino y Cantiga), y otros aún inéditos, como el tema que prepararon especialmente para esta su primera cita en España, otros temas de composición propia que ponen música a poemas como Cantiga sua partindo-se, de João Roiz, o Amor, de Paulino António Cabral, así como otros con letras anónimas, como A moça e a velha, o Senhora María, que además fue el tema que ofrecieron en el bis.

En resumen, un delicioso acercamiento a la música y a la poesía portuguesas, de la mano de una banda brillante en la composición y en la interpretación."

http://lasrozas.portaldetuciudad.com/

sexta-feira, julho 15, 2011

Entrevista Xícara - Agência Lusa

Guimarães, 14 jul (Lusa) - A “vontade de dizer a palavra que ainda não foi dita” através da “aliança” entre a poesia portuguesa e a “tradição” sonora lusa fez nascer o grupo Xícara que se estreia internacionalmente dia 15, em Madrid.
Os Xícara são compostos por seis músicos do Minho “com interesse comum pela boa música” que em 2010 juntaram a “poesia portuguesa à música de cariz tradicional”.
Em conversa com a Agência Lusa, o grupo revelou que um dos objetivos da música que fazem é de, “usando uma estética atual”, prestar “homenagem ao que de bom tem Portugal”.
No primeiro trabalho disponível dos Xícara, o grupo “eleva a palavra” e “homenageia a língua portuguesa” com poemas de António Botto, João Penha de Oliveira Fortuna e João Cabral nascimento, mas já têm mais “trabalhos em carteira”.
A voz de Carla Carvalho cantará palavras de João de Deus, Fernando Pessoa ou Mário de Sá Carneiro, acompanhadas por guitarra clássica, bandolim, braguesa, cavaquinho piano ou acordeão, pelos dedos de Nuno Cachada, Pedro Oliveira, Rui Ferreira, David Viegas e Hélder Costa.
“Interessa-nos a poesia portuguesa, a sonoridade tradicional”, realçou David Viegas. Apesar de serem oriundos de diferentes “ramos” musicais e com influências diversas, o grupo garante ter um “cunho” próprio.
“A nossa música é um encontro de várias correntes de influências de todos nós. É uma porta aberta para novas experiências”, avançou Helder Costa.
Os Xícara descrevem-se “como um projeto original, coeso e honesto” que nasceu da “vontade de dizer a palavra que ainda não foi dita”. O processo de criação do grupo “é bastante natural” e sem “nenhuma preocupação comercial”, afirmam.
“A nossa preocupação é agradar a nós próprios”, explicitou Nuno Cachada, que disse ainda estar “sempre” presente o “desejo” de se superarem sempre.
Sentem-se “bem acolhidos” pelo público e satisfeitos com o “feedback dado nas redes sociais” e pelo número de visualizações no youtube.
“O público tem tido uma reação muito positiva, o que é gratificante pois é bom saber que conseguimos transmitir boas emoções através da nossa música. Motiva-nos”, explicou Rui Ferreira.
No dia 15 estreiam-se internacionalmente no Festival Noches de Verano em Las Rozas, um “concerto importante” pois é a “estreia” do grupo em Espanha.
“Temos grandes expetativas para este concerto. O público espanhol tem-se mostrado bastante recetivo e agradado com a nossa sonoridade, mas vai ser a primeira vez que nos vão poder ouvir ao vivo”, confessou Carla Carvalho.
O grupo regressa a Espanha a 20 de agosto para atuar no concerto Folk Plasencia.
Os projetos dos Xícara passam por “lançar um disco no início de 2012”, revelou Pedro Oliveira

Por: Joana Carneiro

quinta-feira, julho 14, 2011

Entrevista no Portal de Las Rozas (Madrid)

Xícara: "Vamos a estrenar un tema instrumental que hemos compuesto especialmente para nuestra actuación en Las Rozas"

El grupo luso de música folk actúa este viernes 15 de julio en el anfiteatro al aire libre del Parque París
(miércoles, 13 de julio de 2011)

El grupo Xícara llega desde la norteña región portuguesa de Minho hasta Las Rozas para ofrecer el que será su primer concierto en España. Tras desbordar todas las expectativas en cuando a la acogida por parte del público y el reconocimiento por parte de la prensa especializada, los lusos nos presentarán su trabajo, que combina poemas de grandes autores portugueses de diversas épocas, con una música que parte de un profundo conocimiento del legado de la tradición oral de su tierra, con un claro toque de cosmopolitismo y contemporaneidad, que acerca su propuesta al jazz más elegante. El evento tendrá lugar el viernes 15 de julio, a partir de las 22:30, en el anfiteatro al aire libre del Parque París, en el contexto del ciclo de Noches de Verano que organiza el Ayuntamiento de Las Rozas, y es de libre acceso. Con motivo de su actuación, charlamos con ellos acerca de su trabajo en general y de esta cita en particular.


- ¿Qué aporta Xícara al panorama de las músicas del mundo o folk ibéricos?

- La identidad de Xícara nació del encuentro de las personalidades musicales de los diferentes componentes de la banda. A todos nos gustan las sonoridades tradicionales portuguesas, y en este proyecto hemos querido profundizar en ellas. El hecho de que todos nosotros tengamos un pasado musical ligeramente diferente hace que hayamos conseguido crear una identidad muy personal, que se podría caracterizar por una mezcla de sonoridades muy ligadas a la tierra, al jazz y también a la música contemporánea.
...

Xícara en directo: A moça e a velha (Castelo Branco, 30/4/2011)

segunda-feira, julho 11, 2011

Xícara no Mundofonias da RNE


Mundofonías - Festivales y forró occitano - 10/07/11

Sábado a las 22.05 h. y Domingo a las 06.05 h. y 14.05 h. U.T.C.

08 jul 2011

MundofoníasAl hilo de los festivales veraniegos, muy presentes en las últimas ediciones de Mundofonías, escuchamos las músicas de Xícara, los elegantes portugueses que darán su primera actuación en España en las Noches de Verano de Las Rozas de Madrid; Balkan Beat Box, que pasarán por La Mar de Músicas; Fanfaraï, que actuarán en el FIMPT de Vilanova i la Geltrú; La Troba Kung-Fú, que deleitará al público de Pirineos Sur, y Diego Guerrero y el Solar de Artistas, que estarán presentes en Etnosur. También presentamos las músicas con sabor mediterráneo de los catalanes Dafnia, y con sabor balcánico y bailongo de los alemanes Mo'Horizons.

Ouçam o programa aqui

quinta-feira, junho 30, 2011

Biografias em Inglês e Espanhol



Podem fazer o download clicando nas fotos na barra lateral da esquerda!
Bjs e abraços!

segunda-feira, junho 27, 2011

E o próximo é já dia 2 de Julho na Maia!

2 Julho   -   XÍCARA
3 Julho   -   KARROSSEL 
4 Julho   -   LATIN SALSA
5 Julho   -   RAKIA
6 Julho   -   FADO VIOLADO
7 Julho   -   RE-TIMBRAR
8 Julho   -   MI KU BÔ Quinteto
9 Julho   -   BATFOLIA 
10 Julho -   BAILENDA
11 Julho -   PÉ NA TERRA
Nota: Todos os concertos às 21H30H

terça-feira, junho 14, 2011

Apresentação do EP "XÍCARA" em Madrid!

É neste lindíssimo Anfiteatro que os Xícara vão actuar no dia 15 de Julho pelas 22:00h  (21:00h portuguesas) . Apareçam!

  "Anfiteatro del Parque París" 
 em Las Rozas, Madrid

segunda-feira, junho 13, 2011

Fotos do Concerto em Guimarães!!

Desta vez a chuva ficou de lado e só o frio voltou a marcar presença no nosso concerto! Obrigado à brilhante moldura humana que ajudou a tornar a noite mais quente! Obrigado à "Tempo Livre" pelo convite e a toda a equipa que nos acompanhou! Aqui ficam algumas fotos do concerto, tiradas pela Araceli Tzigane e pela "Tempo Livre"











Fotos do concerto no "Salva a Terra" Eco Festival de música

Mais uma vez a chuva e o frio fizeram questão de participar no concerto dos Xícara. Desta vez apenas algumas gotas, que chegaram a ameaçar a realização do espectáculo, mas que se foram dissipando a medida que iniciava a noite. Aqui ficam algumas fotos!
Obrigado a toda a organização do "Salva a Terra" e aos "Velha Gaiteira". Até uma próxima!






sábado, junho 11, 2011

Hoje, todos ao Multiusos. "XÍCARA" na EXPO GUIMARÃES

Hoje, dia 11 de Junho ás 21H30, os Xícara actuam na Expo Guimarães no Pavilhão Multiusos de Guimarães.
Não percam, vamos todos ao Multiusos!
Entrada livre.
A Expo Guimarães - 9ª Feira Multissectorial de Guimarães é uma organização da Tempo Livre, em parceria com a Câmara Municipal de Guimarães e a Associação Comercial e Industrial de Guimarães, que decorrerá de 9 a 12 de Julho, no Multiusos de Guimarães.

Feira multissectorial para divulgação e afirmação das potencialidades económicas das empresas, serviços e produtos de Guimarães, a Expo Guimarães pretende fomentar oportunidades de negócio e encontrar factores de motivação para a afirmação do tecido económico local.

Evento de referência e uma excelente montra das potencialidades do concelho, a Expo Guimarães o certame surgirá na sua 9ª edição com um conjunto de novidades, entre as quais, a afectação das galerias do Multiusos aos sectores da doçaria, vinhos e charcutaria tradicional.

A organização apostará também num programa de animação que, no exterior do Multiusos, contemplará espectáculos diários e outras actividades de diversão, procurando assim atrair ainda mais público à Expo Guimarães.

A imagem deste ano da Expo Guimarães mantém o verde (da esperança e da Cidade de Guimarães) e foi inspirada na arte do origâmi (dobragem de papel), procurando evidenciar o engenho, a criatividade, a inovação, o rigor, a minúcia, a capacidade de criar e de ultrapassar obstáculos.

sexta-feira, junho 03, 2011

O próximo concerto dos Xícara é já na próxima 5ª Feira em Idanha-a-Nova!


Salva a Terra – Ecofestival de Música pelo Ceras
 9 a 12 Junho - Salvaterra do Extremo, Idanha-a-Nova

PROGRAMA:
 Dia 9
 22h00 - Xícara
 00h15 - Pé na Terra
 02h15 - DJ Rosmanix
Dia 10
 18h00 - DIDGEnBASS
19h00 - Sabão Macaco
22h00 - Charanga
00h15 - Uxu Kalhus
02h15 - DJ Zeek & Trasgo
Dia 11
18h00 - Ninho
19h00 - Frankie Chavez
22h00 - Sebastião Antunes
00h15 - Velha Gaiteira
02h15 - DJ Battle Raquel Bulha vs António Pires

quarta-feira, junho 01, 2011

Entrevista "INTERFOLK"- Madrid, Espanha

"Llega el momento en Interfolk de presentar una de las bandas más jóvenes del panorama folk português y que, arriesgo a decir, tienen todo para ser una verdadera propuesta musical distinta. Sus músicos vienen de panoramas estéticos muy diferentes pera la base de las raices tradicionales lusas y la poesía son el punto de encuentro de este sexteto, radicado entre las cidades miñotas de Famalicão e Guimarães."

segunda-feira, maio 30, 2011

Entrevista n'O Povo de Guimarães, Março 2011


Por Samuel Silva, Março 2011

Entrevista Bigger Magazine

Por Fernanda Carvalho
Fevereiro de 2011

Concerto na FIABA 2011 com temporal a mistura!

Esteve quase para não se realizar o  nosso concerto na FIABA 2011 - Batalha.
Isto tudo devido a um grande temporal (muito grande mesmo) que resolveu inundar o recinto e o Palco!
Mesmo assim lá se conseguiu dar a volta e actuar.
Queremos agradecer o convite à Câmara Municipal da Batalha e a todos que nos receberam e tornaram possível a realização do espectáculo!
Até a próxima!

Xícara

quarta-feira, maio 25, 2011

O próximo concerto dos Xícara é já no Sábado na Batalha (XXI FIABA)

Venham assistir e partilhar connosco mais um momento! Estamos à vossa espera!
O concerto é ás 23:30h!
Aqui vos deixamos a informação e cartaz da FIABA.
Beijos e abraços!

" XXI edição da FIABA - Feira de Artesanato e Gastronomia da Batalha, que se realiza no Largo Cónego Simões Inácio.
A FIABA, um dos certame de referência regional da gastronomia e do artesanato, tem conquistado uma importância cada vez mais notória nesta região, reunindo mais de 60 artesão oriundos de norte a sul do país, trabalhando ao vivo. No que toca à gastronomia, o evento assume também especial importância, com a participaç...ão das associações concelhias que apresentam os pratos tradicionais estremenhos. Presença ainda para mais de uma dezena de presenças institucionais, em áreas que vão da Saúde ao Ensino e do Associativismo. "

Programa:

26 de Maio | Quinta-feira

. 18h30 | Inauguração da XXI FIABA, assinatura dos protocolos de apoio ao associativismo

. 21h30| “Apartirtudo”


27 de Maio | Sexta-feira

. 21h30 - "Gaitilena" - Gaiteiros da Batalha
. 22h00 - “Desbundixie”
. 23h30 - “Monte Lunai”

28 de Maio | Sábado
. 9h00 – 18h00 - XXIII Encontro Nacional de Coleccionadores (Pavilhão Multiusos da Batalha)
. 16h00 - Rancho Folclórico Rosas do Lena - Rebolaria, Batalha
. 16h30 - Cancioneiro da Região da Magueixa, Reguengo do Fetal
. 17h30 - Hip Hop pelas Classes de Dança do C.R. Golpilheira e S.R. Jardoeira

. 21h30 - “A Caruma”
.

 23h30 - “XÍCARA”

29 de Maio | Domingo

. 15h30 - Sons do Lena – Batalha
. 16h30 - Rancho Folclórico “As Lavadeiras do Vale do Lena” – Golpilheira
. 17h00 - Fanfarra dos Bombeiros Voluntários da Batalha
. 18h00 - Rancho Folclórico do Penedo – Quinta do Sobrado, Batalha
. 21h30 - Augusto Canário & Amigos


terça-feira, maio 24, 2011

Agenda

"Xícara" confirmados no XVI Festival Internacional Folk de Plasencia (18 a 20 de Agosto 2011)!

El XVI Festival Internacional Folk de Plasencia apuesta por la calidad y reduce a seis el número de conciertos



La XVI edición del Festival Internacional Folk de Plasencia, que se celebrará del 18 al 20 de agosto en el recinto de la Torre de Lucía de la capital del Jerte, contará este año con seis actuaciones gratuitas, tres menos que en años anteriores.
Tanto la concejala de Cultura de Plasencia, Flor Prieto, como el director del Centro de las Artes Escénicas y de la Música, Damián Beneyto, encargados de la presentación, han hecho hincapié en que a pesar de los recortes en el presupuesto, causanten del menor número de conciertos, la calidad del festival permanece intacta o incluso sube varios peldaños.
La XVI edición de Folk Plasencia dará comienzo el 18 de agosto con la actuación del grupo gallego "Matamá Ensemble", que se hizo merecedor de ocupar este sitio tras proclamarse ganador del II Certamen de Música Folk de Plasencia, celebrado en el marco de la pasada edición del Festival Folk.
La primera jornada la cerrará "Acetre", uno de los grupos más veteranos y emblemáticos dentro del panorama folk de Extremadura y uno de los "imprescindibles" en cualquier cita relacionada con la música de raíz.
Desde el Valle del Trubia (Oviedo), llegarán a la capital del Jerte el viernes 19, los asturianos de "Xera", que han consolidado su idea original de "realimentar" el sentir musical y cultural asturiano con un nuevo enfoque.
La gallega Mercedes Peón, una de las mujeres artistas más carismáticas de la escena actual, cerrará la segunda jornada con su tradición celta de sabor ancestral que recobra vida con las gaitas y percusiones tradicionales y se mezcla con los sonidos eléctricos más actuales.
La última cita de Folk Plasencia tendrá lugar el sábado 20 y tendrá como protagonistas a la formación portuguesa "Xícara", que rinde homenaje a la lengua portuguesa y a sus obreros-poetas; y a la mezcla imposible pero efectiva de los polacos de "Kroke" y los madrileños de "La Musgaña".
Al igual que ocurriera en ediciones anteriores, el Festival Internacional Folk de Plasencia se completará con la celebración de distintas actividades paralelas.

Fonte: http://www.plasencia.es/

Cantiga de João Cabral do Nascimento

Deixa-te estar na minha vida
Como um navio sobre o mar.

Se o vento sopra e rasga as velas
E a noite é gélida e comprida
E a voz ecoa das procelas,
Deixa-te estar na minha vida.

Se erguem as ondas mãos de espuma
Aos céus, em cólera incontida,
E o ar se tolda e cresce a bruma,
Deixa-te estar na minha vida.

À praia, um dia, erma e esquecida,
Hei, com amor, de te levar.
Deixa-te estar na minha vida.
Como um navio sobre o mar.



João Cabral do Nascimento (Poeta português, 1887-1978)

quarta-feira, maio 18, 2011

"Se me deixares eu digo" - António Botto

 Se me deixares, eu digo
O contrario a toda a gente;
E, n'este mundo de enganos,
Falla verdade quem mente.
Tu dizes que a minha boca
Já não acorda desejos,
Já não aquece outra boca,
Já não merece os teus beijos;
Mas, tem cuidado commigo,
Não procures ser ausente:
- Se me deixares, eu digo
O contrario a toda a gente.

António Botto, in 'Canções'

segunda-feira, maio 09, 2011

Entrevista Portugal Rebelde - "Discurso Directo"

Portugal Rebelde - Este primeiro EP dos Xícara é uma homenagem à língua Portuguesa e aos seus “obreiros-poetas”?

Helder Costa - Este primeiro trabalho nasceu de uma necessidade de explorar elementos da cultura portuguesa que a nosso ver, ainda muito há para fazer. Achamos então, que faria todo o sentido aliar a poesia portuguesa, que é tão rica, com as sonoridades do nosso país, tentando criar uma identidade que fosse representação da nossa perspectiva da portugalidade. Por isso podemos considerar não só uma homenagem à língua portuguesa, mas também às nossas raízes.


PR - Entre vozes, baixos, bandolim e braguesa, cavaquinho, guitarra clássica, percussão, piano e acordeão, a essência da música tradicional funde-se com a poesia portuguesa. Definitivamente este é o “caminho” que os Xícara querem continuar a trilhar?

Rui Ferreira - Neste EP e no álbum que estamos de momento a trabalhar, é esse o conceito base. Qualquer tentativa de projectar o futuro poderá ser de momento um bocado prematuro. 
PR - Arceli Tzigane, apresentadora do programa Mundofonias da RTVE, classifica este EP como “Precioso, emocionante e elegante”. Esperavam esta receptividade da imprensa e do público em geral?

Helder Costa - Sempre acreditamos que o nosso trabalho poderia chegar longe. Porem, não contava-mos que todo o processo fosse tão rápido. Temos tido frequentemente pessoas a entrar em contacto connosco principalmente pela internet que têm se identificado muito com o que fazemos e que nos tem ajudado bastante na divulgação de Xícara. Não podemos também esquecer o apoio de algumas pessoas que apadrinharam Xícara desde o inicio que são o caso do João Sã do programa Folklândia, a Araceli Tzigane e Juan Antonio Vasquez, Cristina Espirito Santo, que sem elas nada disto seria possível.

PR - Numa frase apenas - ou duas - como caracterizariam este primeiro trabalho dos Xícara?

Rui Ferreira - A música de Xícara é um encontro de várias correntes de influências de todos nós. É uma porta aberta para novas experiências. Uma palavra que ainda não foi dita.
PR - Depois do disco, vamos ter oportunidade para ver e ouvir os Xícara apresentar as canções deste EP no palco?

Helder Costa - Estamos de momento a fazer a agenda que será em breve anunciada no facebook, assim como no nosso blogue – www.xicaramusic.blogspot.com.  No dia 9 de Junho vamos estar no Eco Festival de Música e dia 30 de Julho no Festival Sons Da Fraga Dura.

PR - Que sensações esperam que as pessoas retirem da audição deste primeiro trabalho?

Rui Ferreira - Esperemos que desperte a curiosidade para nos virem ouvir ao vivo, e que disfrutem tanto da nossa música como nós.

PR - Para terminar, por onde passa o futuro próximo dos Xícara?

Helder Costa - Nesta primeira fase, será fazer o maior número de actuações. Numa segunda fase será o lançamento do nosso primeiro álbum.

Entrevista no programa Mestizo mundo, Canal Extremadura, Espanha

1 de Maio 2011 - Entrevista com a Carla  na 2ª parte do programa.

OUVIR

quinta-feira, maio 05, 2011

Rtve.es - Rádio 3

Mais uma aparição pelas rádios espanholas.


Así repite el estribillo el mes que empieza hoy la canción con la que arranca Tarataña. Es de las más antiguas grabadas por Manuel Luna. Ya dijimos ayer que hoy recogeríamos algunos mayos más, y ahí están los que interpretan Aulaga Folk con Joaquín Díaz, y María Salgado. Recordaremos otras canciones de hace tiempo de los desaparecidos Armeguín, y bailaremos un poquito con A Cadiera Coixa, la Ronda Astí queda ixo!, Carlos Núñez y La Jambre. Estrenamos lo nuevo de los portugueses Xícara y recordaremos al pueblo saharaui, a través de Mariem Hassan, ya que mañana arranca una nueva edición del Festival Internacional de Cine del Sáhara. Así ha quedado el orden de canciones: Manuel Luna ("Como hablan la sabinas"), Aulaga Folk con Joaquín Díaz ("La Cautiva"), María Salgado ("Ramo verde"), Armeguín ("Danza do Galo"), Carlos Núñez ("Xotes Universitarios" y "Gaita", con Adriana Calcanhotto), Keympa ("O gaitero lunar"), Xícara ("Se me deixares eu digo"), Ronda Astí queda ixo! ("Poborina Folk"), A Cadiera Coixa ("Capitales conocí"), La Jambre ("Pare cura") y Mariem Hassan ("El Sáhara es un tesoro"). Qué mayo se dé florido, como debe de ser siempre.

Ouvir podcast 1 Mayo

quarta-feira, maio 04, 2011

Festival De La Luna de Mayo - 1 de Maio - Cáceres

Por motivos de ordem técnica, completamente alheios aos "Xícara", o concerto teve que ser adiado. Pedimos desculpa a quem se deslocou para nos ver, mas foi completamente impossível a realização do espectáculo.
Abraços
Xícara

terça-feira, maio 03, 2011

Fotos do concerto no Cine-Teatro Avenida de Castelo Branco pela Mané Vidal.


 








 
                                             Helder Costa


 
                                           Carla Carvalho


                           David Leão - Convidado Especial


                                             Nuno Cachada


Rui Ferreira (CAPS)



                                David Terceiro Viegas


                               Pedro Oliveira